Como escolher os fornecedores certos para o casamento | Parte 1

O orçamento foi definido, o estilo da festa traçado, a lista de convidados elaborada e a data escolhida. Chegou a hora então de definir o time de fornecedores que irá tornar o sonho realidade.

Essa fase, sem sombra de dúvidas, é uma das mais importantes para garantir o sucesso do grande dia. Por mais que os noivos queiram apostar em uma proposta bem DIY, colocando a mão na massa na elaboração dos detalhes, sempre haverá algo que precisará ser contratado. Seja ele o traje dos noivos, a equipe de fotografia e filmagem ou o local onde será realizado o evento.

Se vocês estão nessa fase, imagino que podem estar surgindo diversos sinais de alerta no cérebro, com N dúvidas martelando a cabeça: “Como escolher?”, “Por onde começar”, “Como solicitar orçamento?”, “Quem deve me acompanhar na visita?”, “E o contrato, o que deve ter?”. Por aí vai, não é mesmo?

Pensando nisso, hoje nós damos início a uma série de postagens para ajudar vocês nessa missão de escolher os fornecedores certos para o casamento.

Como o assunto rende bastante (rs), resolvemos separar em quatro partes. No post de hoje, falaremos sobre o momento da escolha. Vem com a gente!

 

Foto: Flora + Fauna

Muitos casais ficam angustiados na hora de contratar fornecedores porque querem um serviço de qualidade, mas não tem dinheiro para pagar por profissionais de renome.

Vamos desmistificar uma questão agora? Melhores fornecedores não são, necessariamente, os super conhecidos no mercado. Tem muita gente que realiza um trabalho de excelência por aí, mas não possui um marketing forte para a divulgação. Por isso, não escolha pensando apenas na “marca”.

Pesquise! Tanto para ter ideia de valores, quanto para saber da qualidade do produto/serviço e, claro, para saber se esse profissional tem o estilo que vocês buscam para o grande dia. Uma boa forma de descobrir tudo isso é utilizando do famoso “boca a boca”, o jeito quase infalível de ter referências sobre o trabalhado desempenhado pelo fornecedor. Converse com alguns casais que já tenham contratado essa pessoa para saber quais foram suas experiências. Se não conhece pessoas próximas que tenham feito isso, use a internet. Raramente o fornecedor não terá nenhum site ou rede social – pela web dá para ter uma boa ideia do que é proposto e do feedback dos antigos clientes.

Realizou a pesquisa prévia? Agora escolha três opções de profissional de cada serviço para visitar/entrar em contato e ter uma base de comparação. Esse número é o ideal para que vocês cheguem a uma conclusão e não fiquem ainda mais confusos na hora da decisão.

♥ Ah, um detalhe fundamental na hora da escolha é a confiança. Definiram os fornecedores? Agora acreditem no trabalho deles e confiem em seu profissionalismo. Sem confiança vocês certamente não ficarão tranquilos. E aí, não vale a pena, né?


Gostou dessas primeiras dicas? Então, continue ligado que esse é só o começo! 😉

 

Veja também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *