12 Simbolismos incríveis para a cerimônia de casamento

A um tempo atrás, a esmagadora maioria das cerimônias de casamento seguiam um roteiro bem específico e quase imutável de um casório para o outro. Músicas clássicas, entradas, palavra do padre ou pastor, repetições de promessas ao cônjuge e o esperado “pode beijar a noiva”.

Atualmente, elas ganharam novas roupagens que mesclam o tradicional (como as entradas) com o moderno (como os votos escritos pelos próprios noivos). Ter esse toque “contemporâneo” é essencial para quem quer ter uma cerimônia cheia de personalidade e, de quebra, fazer os convidados mergulharem de vez na atmosfera de amor do casal.

Uma das formas de deixar tudo com mais essência e significado é separar uns minutos da cerimônia para fazer um ato simbólico. Um momento que simbolize o amor, a união e o comprometimento mútuo do casal. Existem vários tipos de simbolismos para a cerimônia e hoje eu divido com vocês 12 dos mais incríveis.

Bora dar um toque ainda mais especial para a cerimônia do seu casamento? Quanto mais o simbolismo tiver a ver com o estilo de vocês, mais legal e emocionante esse momento vai ser!

Vai por mim, vai ser difícil escolher um só!

 

Essa ideia remete ao casamento no cartório mas, em vez de assinar a certidão, os noivos assinam uma carta. Relacionado à cerimônias judaicas, esse simbolismo é adaptável aos variados estilos de celebração. Nesse ritual, os noivos assinam um “contrato de casamento” – prometendo amar e apoiar um ao outro incondicionalmente.

Para a ideia ficar ainda mais legal e com cara de compromisso civil, vocês podem escolher dois padrinhos para assinarem o “documento”, como testemunhas. A carta é lida em voz alta pelo celebrante, após a troca das alianças. Essa ideia pode ser interessante para os noivos que já tenham feito o casamento em cartório ou têm vergonha de ler seus votos em público. O contrato pode ficar cheio de personalidade se for escrito pelo próprio casal, um familiar ou amigo próximo. Uma lembrança legal, né?

Foto – Onelove Photography

Nesse ritual, dois tipos de vinho são colocados em um mesmo copo e a bebida é compartilhada pelo casal. Essa mistura simboliza a união de duas famílias e a nova vida que construirão juntos. Se gostaram da ideia, mas não curtem vinho, vocês podem substituir a bebida por outra, como cervejas ou chás – para os que não gostam de álcool.

Foto – Deidre Lynn Photography

Essa é uma opção muito legal para os casais cristãos. Fazer um momento de ceia durante a cerimônia é representar a aliança entre o casal e Cristo. Um compromisso de um relacionamento pautado pelo amor e pela conexão com Deus. O ritual leva em conta o versículo bíblico: “quer comais, quer bebais ou façais qualquer outra coisa (como se casar, por exemplo) façais pra glória do Senhor” 1 Co 10:31. Legal, né?

Fotos – Katelyn Ortego

Essa é uma tradição judaico-cristã que simboliza a unidade. A noiva e o noivo seguram uma vela acesa e combinam suas chamas para acender uma terceira vela maior. Uma ideia legal para esse ritual é incluir os pais dos noivos. Eles ficam responsáveis por acender as velas de seus filhos (utilizando velas também) e só depois disso os noivos usam a chama para acender a vela maior. Essa ideia representa a união também das duas famílias.

Fotos – Allison Harp e Andy Seo Studio

Que atire a primeira pedra quem nunca viu uma cerimônia das areias por aí, né não? Hahaha Apesar de bem conhecida essa pode ser uma opção muito legal e uma lembrança única do grande dia. Os noivos devem ter recipientes com cores diferentes de areia e a missão é despejar esses dois tons em um jarro de vidro. O ritual simboliza a intensidade dessa união, já que, depois dessa mistura será certamente impossível separar os grãos de areia. Depois do casório, o jarro com a mistura de cores e muito significado se torna parte da decoração da nova casa.

Uma proposta interessante é incluir os padrinhos (e, quem sabe, os pais dos noivos) nesse momento – característica da cerimônia celta. Nesse caso, cada um é responsável por uma cor, que simboliza sentimentos bons que desejam ao casal. Eles levam o vidrinho com areia até o altar e, antes de despejar no vidro maior, falam algumas palavras relacionadas aos sentimentos escolhidos.

A propósito, se tem um estilo de casório com simbolismos do início ao fim, é o celta. A Katy e o Mayron escolheram essa proposta de cerimônia para o grande dia e nós fizemos um post sobre esse casório. Clique aqui para conferir essa história ♥

 

Fotos – Zoega Fotografia e Viviane Botelho

Essa é uma tradição irlandesa, mas o significado é tão legal que resolvi incluir na nossa lista: A noiva e o noivo amarram uma fita com um nó de pescador. O ritual simboliza o vínculo entre o casal que, em vez de quebrar sob pressão, se torna mais forte. O máximo, né? Eu guardaria a fita ou até emolduraria para colocar num cantinho da casa para sempre olhar e lembrar da força dessa união. Amei! ♥

Foto – Shannon Von Eschen

Quem segue o blog no Instagram sabe que eu já confessei por lá que SONHO em ter esse momento no nosso casamento. Sempre quis plantar uma árvore, mas o máximo que fiz até agora foi ajudar minha irmã e meu cunhado a montar o pomar deles. Kkk Acho que o casório será um momento legal e marcante para realizar esse desejo. Quem sabe, né…

Juntos os noivos plantam uma muda e a regam com o mesmo regador. O ato simboliza o compromisso do casal em cultivar o amor, carinho e respeito um pelo outro. Afinal, como a árvore, o relacionamento precisará de amor e cuidado para crescer e florescer.

Outra vertente dessa ideia é incluir a família e os padrinhos no ritual. Nesse caso, os padrinhos colocam adubo, os pais plantam a semente/muda, e – por último – os noivos regam esse vaso. Além da árvore plantada com tanto carinho, por pessoas importantes, em meio a desejos de prosperidade e união, vocês ainda pode distribuir sementes de plantas para os convidados, complementando a ideia. Que tal sementes de amor perfeito? ♥

Fotos – Chowen Photography e Jake & Necia Photography

Conhecido como “cápsula do tempo”, esse simbolismo é um lembrete do amor e do compromisso do casamento. Antes da cerimônia, o casal deve reunir lembranças importantes do relacionamento: canhotos de ingressos, bilhetes, cartões, etc. Além disso, cada um deve escrever uma carta de amor um para o outro.

Durante a cerimônia, todas esses itens são guardados em uma caixa de madeira fechada com pregos pelo próprio casal. Ela só deve ser aberta no aniversário de casamento (cinco, dez ou vinte anos). Outra ideia relacionada a esse ritual é deixar que os familiares e amigos mais próximos também componham os itens dessa caixa com cartas para o casal. Imagina que legal ler os desejos deles para vocês anos depois do “sim”?

P.s: Se vocês gostam de vinho, podem incluir a bebida na caixa para usar na comemoração de aniversário.

Fotos – Onelove Photography e Leighanne Herr

Essa cerimônia cristã é inspirada na passagem bíblica de João 13: 1-17. Os versículos narram o momento em que Jesus lava os pés de seus discípulos em sinal de humildade e serviço. No casamento, ela simboliza justamente o serviço do casal, a humildade e o comprometimento mútuo com o relacionamento. A proposta é ideal para casórios ao ar livre.

Fotos – Andrew Edwards Photography

Tá aí outra ideia que ganhou meu coração assim que descobri. Baseado em Eclesiastes 4: 12 – “Um homem sozinho pode ser vencido, mas dois conseguem se defender. Um cordão de três dobras não se rompe com facilidade” – esse também é um ritual incrível para os casais cristãos.

Para ele, os noivos vão precisar de três pedaços de corda com tamanho igual e suficiente para serem trançados – durante a cerimônia. As cordas das laterais representam a noiva e o noivo, já a do meio representa Deus, que será o centro do casamento e o elo que proporciona a força interminável da união. Que tal aderir a esse ritual e fazer do cordão de três dobras um quadro para ser pendurado em casa? Acho muito legal!

Fotos – Ashtyn Brooke Photo

Ideia incrível para noivos artistas. Claro que pintar um quadro todo cheio de detalhes durante a cerimônia está fora de cogitação porque certamente não será um trabalho rápido. E por mais que seja legal ver essa produção, você não vai querer deixar seus convidados sentados por um longo tempo, né? Mas vocês podem fazer uma obra colaborativa. Escolher cores diferentes de tinta e colocas em uma única tela pode ficar bem legal. O quadro cheio de amor e boas lembranças pode virar decoração para a casa de vocês. Que tal?

Fotos – Via Pinterest e Heather Payne Photography

Essa pode ser uma forma muito legal de fechar a cerimônia. Cada convidado recebe um balão, de preferência da mesma cor, com gás hélio. O celebrante pede que cada um dos presentes mentalize um desejo para os noivos e, então, os balões são soltos e sobem aos céus com as intenções para o casal. Imagina que legal um registro em foto e vídeo desse momento… Lindo, né?!

Foto Jake Rosenberg

 


 

E aí, qual é o seu ritual preferido? Confesso que gostei de vários deles e se pudesse varia um pouquinho de cada um hahaha

Já se casou e também teve um momento desse no grande dia? Então conta pra mim! Qual foi o simbolismo que escolheram?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *